domingo, 3 de setembro de 2017

Calor, sol, Laranjal...

Domingo, calor, sol!!!!  Começou a temporada de passar a tarde na praia, passear com a família e usufruir da natureza linda que é este pequeno paraíso: o Laranjal. E o Laranjal acolhe a todos , abriga carros e mais carros ao longo da avenida e ruas adjacentes. Tem lugar para todos!!!!
Mas não podemos esquecer que as regras de trânsito são as mesmas da cidade, que as leis foram feitas para serem cumpridas e que aqui, na praia, moram pessoas que querem ter acesso à suas garagens, poder sair de carro e conseguir atravessar a avenida para o outro lado onde fica a casa de um amigo,  padaria onde gostaria de comprar pão, a farmácia onde alguém precisa buscar um remédio para um filho, por exemplo.
E  esse último foi meu caso no domingo, quando fui comprar um remédio para meu neto e tive que atravessar a Avenida Rio Grande do Sul  com trânsito completamente parado e tive que implorar para algum motorista não obstruir minha passagem  na rua transversal.  Dei uma buzinadinha para um, fiz sinal que queria apenas atravessar para o próximo, dei sinal de luz para o outro ...e nada!!! Nada, não, estou mentindo pois  pude ouvir “saudações” e ver  “gestos amigáveis” com os dedos, até que coloquei meio corpo para fora e pedi uma forcinha para atravessar a avenida (com os carros todos parados)... Ufa, alguém bem educado me entendeu!!!  Mas era apenas a metade do desafio, pois ainda faltava a outra fileira de carros... Tudo de novo!!!  Buzinadinha, sinal de luz, por favor  me conceda o favor de ter o direito de levar o remédio para meu neto com crise de asma??? E  novamente , depois de vários motoristas que não podem ver alguém passando à sua frente, mesmo que seja apenas para atravessar para o outro lado, alguém bem educado parou e pude passar.
Infelizmente quando vai chegando o verão, melhor época para quem mora na praia e quem vem de outros lugares  usufruir da nossa doce lagoa, com suas sombras e natureza maravilhosa, também é a época em que nós, moradores, vemos nosso bairro virar terra de ninguém, em termos de trânsito... Gente andando na contramão, estacionando em lugar proibido, ocupando saída de garagens, andando em alta velocidade ou trancando a passagem de ruas transversais àquelas que servem de saída ou entrada de veículos,ou seja,  ruas principais.  
É verdade que tem bons motoristas, pois graças à alguns deles consegui trazer o remédio para meu neto.  Mas tem muita gente que acha que na praia vale tudo, esquecendo as regras de trânsito  e , com a pressa de voltar para casa, esquece também o bom senso.
Agora, aqui em casa e meu neto medicado, posso ouvir daqui, 3 quadras da avenida, buzinaço, uma sirene tentando passar e uma zoeira que só vai acalmar depois das 22 horas.
Fica a solicitação: vamos respeitar as leis de trânsito  e regras de boa convivência pois a praia tem lugar para todos. Não esqueçam da cadeira, do chimarrão, filtro solar, muita alegria e... a educação coletiva!

# e o buzinaço não para...
Eliana Valença

Nenhum comentário:

Postar um comentário